Orientação: como denunciar preços abusivos de álcool em gel e máscaras em farmácias

protecaocovid
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on google
Share on twitter

Em meio à corrida por itens de prevenção contra o novo coronavírus (SARS-CoV-2), que fez álcool em gel e máscaras sumirem das prateleiras, muitas farmácias aumentaram o preço dos produtos.

Pesquisa divulgada pelo Procon-PE aponta variação de 53% no preço do álcool em gel e de 100,8% nas máscaras
. A fiscalização checou os valores em oito estabelecimentos da Região Metropolitana do Recife (RMR), a partir de denúncias feitas por consumidores. É possível denunciar preços abusivos dos itens.

Leia também:
Procon constata aumento de preços nas farmácias por causa do coronavírus
Até 70% da população global pode contrair coronavírus, diz Harvard

Denúncias de todo o Estado podem ser feitas ao Procon-PE pelos números 0800.282.1512 (81) 3181-7035. No Recife, o consumidor pode entrar em contato com o Procon do munícipio de quatro formas diferentes: pelo Facebook proconrecife, no Instagram @proconrecife, ligando para o 0800.281.1311 e via e-mail, no [email protected].

Em Olinda, as denúncias devem ser feitas no (81) 3183-8104. E em Jaboatão dos Guararapes é possível denunciar no site do Procon da cidade e nos números (81) 3476-2912 e (81) 9.7323-7953.

TELEFONES

(87) 3873 1857

(87) 3873 1366

[email protected]

BR 316, KM 21,7 – S/N, Vila Conceição — Araripina – PE