Microempreendedores individuais atingidos pelos temporais terão linhas de crédito de até R$ 6 mil e sem taxa de juros em Pernambuco

realdinheiro-moeda-1310202272
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on google
Share on twitter

Por g1 PE

Os microempreendedores individuais prejudicados pelos temporais de Pernambuco no fim de maio e começo de junho vão contar com linhas de crédito de até R$ 6 mil e sem cobrança de taxa de juros. A medida foi anunciada nesta sexta (10) pelo governo.

A iniciativa vale para quem é MEI e vive em 14 cidades que estão na lista do decreto estadual de situação de emergência (veja no fim da matéria). A expectativa é contemplar 1,5 mil pessoas nesse perfil.

Os temporais deixaram, ao todo, 129 mortos e mais de 128 mil desabrigados e desalojados. Nesta sexta. O estado divulgou um raio-X da tragédia.

As mulheres são maioria entre as vítimas e as mortes por soterramento de barreiras lideram as estatísticas. Jaboatão dos Guararapes, na região Metropolitana, registrou mais óbitos.

Outra medida para garantir assistência aos empreendedores, de acordo como estado, é a prorrogação de parcelas de quem já possui operações de microcrédito com a Agência de Empreendedorismo de Pernambuco (AGE), incluindo o Crédito Popular.

A postergação, acrescentou o estado, será feita para as parcelas referentes aos meses de abril, maio, junho e julho de 2022.

Por meio de nota, o governador Paulo Câmara (PSB) disse que, além de auxiliar as famílias, o estado vai dar apoio aos micro e pequenos empreendedores que tiveram seus negócios prejudicados, “para que possam se reerguer e recomeçar o trabalho”.

Detalhes

 

Na nota, o estado disse que o financiamento será parcelado em até 24 meses. São três meses de carência e mais 21 parcelas fixas.

Além disso, até 80% do valor financiado podem ser garantidos pelo Fundo de Aval para as Micro e Pequenas Empresas (Fampe), do Sebrae-Pernambuco.

“Não serão solicitadas garantias para análise de crédito nem exigidas certidões negativas de débito”, informou o governo no comunicado.

Mais ajuda

 

O Crédito Emergencial MEI, anunciado nesta sexta, é mais um auxílio prometido pelo governo de Pernambuco. O governo disse que vai investir R$ 3 milhões nessa inciativa.

Esta semana, o estado conseguiu na Assembleia Legislativa (Alepe) a aprovação de leis que concedem auxílios financeiros.

Estão previstas uma pensão vitalícia de um salário mínimo para quem perdeu parentes e uma ajuda de R$ 1,5 mil para os atingidos pelos temporais. Ao todo, serão investidos, nessas duas iniciativas, R$ 125 milhões para socorrer 85 mil famílias.

No Recife, a prefeitura começou o cadastramento para conceder também apoio a quem teve perdas materiais. Jaboatão anunciou que vai inscrever famílias para conceder apoio financeiro.

Veja cidades incluídas no decreto estadual de situação de emergência

 

TELEFONES

(87) 3873 1857

(87) 9 9642-7899

[email protected]

BR 316, KM 21,7 – S/N, Vila Conceição — Araripina – PE