Canoagem: Isaquias Queiroz conquista ouro no C1 1000m com autoridade É a quarta medalha olímpica do atleta baiano; a primeira em Tóquio

20210807113116821592e
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on google
Share on twitter

É a história sendo escrita nas águas do Japão. Em mais uma dominante prova, Isaquias Queiroz fatura o ouro no C1 1000m e soma sua quarta medalha olímpica à coleção. Agora, o atleta baiano tem a sonhada ‘triáde’ em mãos, com as três medalhas da Rio-2016 – duas de prata e uma de bronze – e o lugar mais alto do pódio em Tóquio.

Ciente que é um dos melhores do mundo em sua modalidade, o canoísta chegou ao Japão disposto e confiante na conquista, como demonstrou nas entrevistas que deu antes mesmo da final. E a confiança surtiu efeito. Isaquias, o único brasileiro a ter chegado ao pódio três vezes numa única edição de Olimpíada, na Rio-2016, há cinco anos, foi campeão olímpico em Tóquio com autoridade.

 

 

O baiano, que agora tem quatro conquistas em Jogos, empatou com Serginho (vôlei) e Gustavo Borges (natação). Apenas os velejadores Robert Scheidt, ainda na ativa, e Torben Grael, já aposentado de competições olímpicas chegaram a cinco medalhas pelo país no megaevento.

Em um balanço da sua trajetória em competições olímpicas, Isaquias revelou acreditar ter evoluído em importantes quesitos com relação à Olimpíada passada. Unindo a técnica à estabilidade emocional, o atleta, já mira 2024, em Paris.

TELEFONE

(87) 9667-7054

[email protected]

Av. Antônio Pedro da Silva, 917 – Centro, Ouricuri – PE, 56200-000